segunda-feira, 6 de junho de 2011

COMENTÁRIO DA LIÇÃO 11



Este COMENTÁRIO TEOLÓGICO DA LIÇÃO DA ESCOLA SABATINA é uma cortesia do seu site missionário www.averdaderevelada.com.br, sempre no propósito de oferecer a todos uma visão clara da VERDADE REVELADA por Deus aos homens através da Bíblia. Faça cópias deste comentário, quantas quiser, gratuitamente, e as distribua em sua igreja, escola e vizinhança. Dê também aos professores da ES que não têm acesso à Internet. Este é um excelente trabalho missionário.

 

Pr. Otoniel de Carvalho

Diretor do Site

 

 

LIÇÃO 11

 

VESTES NUPCIAIS

 

VERSO PARA MEMORIZAR: "Portanto, agora, nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o espírito" (Rm 8:1, RC).

 

 Leitura para o estudo desta semana: Mateus 21; 22:1-14; Apocalipse 21:2, 9; Eclesiastes 12:14; Daniel 7:10; Gênesis 3:9-19.

 

INTRODUÇÃO

 

Sempre que alguém recebe um convite para ir a um casamento, surge-lhe a pergunta: "Com que roupa eu vou?"  Qualquer pessoa com conhecimento rudimentar de etiqueta social sabe que para alguém ir a uma cerimônia de casamento, onde as pessoas estarão muito bem vestidas, não se deve ir de qualquer maneira. Por exemplo, não se deve ir com roupas esportivas, mas com roupas sociais. E no convite, às vezes, consta o tipo de roupa que deve ser usada na cerimônia. Uma pessoa que desobedece a essa convenção social torna-se motivo de piada, observações maldosas, escândalo e até pode ser impedida de entrar para a cerimônia, pois suas veste não se adequam nem se conformam ao que foi estipulado no convite de casamento.

Deus nos aceita como estamos, e nos transforma, pelo poder do Espírito Santo, em sua "imagem e semelhança". Deus nunca deixa o pecador convertido continuar do mesmo modo como no dia de sua conversão. Daí Jesus chamar o processo conversão/salvação de "nascer de novo", ou seja, um novo nascimento (João 3:3 a 5). Paulo afirma que quem se converteu e "está em Cristo" é "uma nova criatura" (II Coríntios 5:17). E o NOVO não é a mesma coisa do VELHO. Houve mudança para melhor em todos os aspectos da vida de uma pessoa convertida.

Para entrar na Glória do Céu, qualquer roupa não serve. Para fazer parte da "Ceia das Bodas do Cordeiro", qualquer roupa não serve. A Lição desta semana vai mostrar com que roupa devemos ir ao banquete celestial.

 

LIÇÃO DE DOMINGO, dia 05 de junho.

 

DIAS DE FERVOR

 

Leitura Bíblica do Dia: Mateus 21 e 22:1 a 14.

 

Você leu Mateus 22:1 a 14? Prestou atenção nos detalhes da Parábola das Bodas? O que aconteceu ao homem que entrou para o banquete sem trajar as vestes apropriadas para estar ali? Que lições espirituais você tira para sua própria experiência cristã? Será que você está querendo entrar para o Céu com suas próprias vestes impróprias? Em que tipo de JUSTIÇA você confia para ser justificado e salvo? Na sua própria (seus atos religiosos com aparência de justiça?)? Ou na imaculada JUSTIÇA PERFEITA de Jesus, o Messias-Cristo? Leia Romanos 10:3, e veja se não comete, HOJE,  o mesmo erro que os judeus cometeram no passado e cometem ainda hoje!

Os dias de hoje, que antecedem a chegada do Rei Jesus, para vir buscar Seus escolhidos, salvos pela Graça e justificados pela fé, e leva-los para o Céu, a "Casa de Meu Pai", são dias de preparo espiritual. É hoje que nos preparamos para a grande festa da "PAROUSIA" e, em seguida, para estarmos na "Ceia das Bodas do Cordeiro". Ninguém vai a eventos dessa grandiosidade cósmica sem antes fazer os devidos preparos. Não dá para se preparar de última hora, pois logo antes desses eventos cósmicos ocorrerem, o chamado "tempo de graça" para os pecadores te chegado a seu final, e cumpre-se Apocalipse 22:11: "Continue o injusto fazendo injustiça; continue o imundo ainda sendo imundo; o justo continue na prática da justiça, e o santo continue a santificar-se". Mas quem de nós, hoje vivos, chegará a esse dia final? Quantos de nós morreremos antes disto? Diz o escritor de Hebreus: "HOJE, SE OUVIRDES A SUA VOZ, NÃO ENDUREÇAIS OS VOSSOS CORAÇÕES" Hebreus 3:15, grifos nossos. Então, HOJE é o tempo de fervor e de consagração total da vida a Deus. AMANHÃ pode ser um tempo que você jamais viverá. Faça do HOJE o tempo para se preparar para os grandes eventos cósmicos do amanhã. A Glória de Deus nos aguarda!

 

LIÇÃO DE SEGUNDA E TERÇA-FEIRAS, dia 06 e 07 de junho.

 

O CONVITE DO REI E OS QUE FORAM AO BANQUETE

 

Leitura Bíblica do Dia: Mateus 22:1 a 14. Efésios 5:21 a 23; Mateus 7:21 a 23.

 

A quem o rei convidou primeiro? Que pessoas são representadas por esses primeiros convidados às bodas? Que razões eles deram para não atenderem ao convite? A quem o rei mandou convidas, depois da recusa dos primeiros convidados? Qual foi a reação desses últimos convidados em relação ao convite que receberam?

Em suas muitas Parábolas, Jesus trabalhava com o elemento contencioso JUDEUS X GENTIOS. Jesus sabia que os judeus não aceitavam que os gentios fizessem parte do Reino dos Céus, por não serem merecedores de estar ali. Eles, os judeus (Israel), geração étnica de Abraão, povo em ALIANÇA com IAVÉ, eram os únicos (segundo eles pensavam) que MERECIAM fazer parte do Reino dos Céus. Todos os demais povos e nações, por sua injustiça e idolatria (Romanos 1:18 a 32), deveriam ficar de fora. Israel tinha a Lei, a Circuncisão, o Sábado, o Templo, a Aliança e os Profetas e, por esses "méritos" e "privilégios" (Romanos 2:1 a 3:8), achava que o Reino do Céu era somente deles.

Na Parábola narrada em Mateus 22:1 a 14, os PRIMEIROS CONVIDADOS foram os israelitas. Mas a maioria deles recusou o convite, dando desculpas, ou JUSTIFICATIVAS PRÓPRIAS, para não irem ao banquete real. Então o rei mandou convidar a TODOS OS DEMAIS, pessoas de todos os becos, ruas, cidades, vielas e nações da Terra, os GENTIOS. Disse o Rei (Deus, Pai) a seus servos: "Está pronta a festa, mas os convidados [os primeiros convidados, o povo de Israel] não eram dignos. Ide, pois, para as encruzilhadas dos caminhos [das nações e povos da Terra] e convidai para as bodas a quantos encontrardes." Mateus 22:8 e 9, com interpolações e comentários nossos. E estes vieram aos montões. E entraram para as BODAS do Filho do Rei. E os gentios vieram aos milhares para a IGREJA, a embaixada do Reino de Deus na Terra. Eles acreditaram (creram) no Rei e na veracidade do Reino, e vieram para a festa das Bodas do Filho do Rei. Vieram para o BANQUETE DA GRAÇA DIVINA. E quem primeiro deveria ter vindo, Israel, povo em Aliança de pertencimento com Deus, se recusou a atender ao convite, "e se foram, um para o seu campo, outro para o seu negócio; outros, agarrando os servos [do Rei, os profetas, apóstolos e discípulos], os maltrataram e os mataram." Mateus 22:5 e 6, com interpolações e comentários nossos. Leia Atos 13:44 a 52. Atos 17:1 a 9.

Jesus afirmou com toda clareza: "Nem todo o que me diz Senhor! Senhor! Entrará no Reino dos Céus. Mas aquele QUE FAZ A VONTADE DE MEU PAI, que está nos Céus." Mateus 7:21, grifos nossos. Não basta ser religioso. Nada resolve ser cínico e dizer: "o que importa é o coração; eu posso ser salvo em qualquer religião". Jesus afirmou que simplesmente pelo fato de alguém se declarar "cristão", ou "crente" estará garantida sua presença no Reino dos Céus, o Reino da Glória. É preciso muito mais do que falar que é crente. É preciso PROVAR que é crente real, sincero e verdadeiro. Religião de aparência, somente para consumo externo, não serve. Todos que querem entrar para o REINO DOS CÉUS, têm de "FAZER A VONTADE DE MEU PAI", disse Jesus. E Ele sabia o que falava. E Jesus continuou seu discurso, dizendo: "Muitos, NAQUELE DIA [o Dia da Segunda Vinda de Jesus, em Glória, ou o chamado "dia da ira do Cordeiro", conforme Apocalipse 6:16 e 17], hão de dizer-Me: 'Senhor! Senhor! Porventura não temos nós PROFETIZADO EM TEU NOME? E em Teu nome não EXPELIMOS DEMÔNIOS? E em Teu nome não FIZEMOS MUITOS MILAGRES?" Mateus 7:22, com grifos, interpolações e comentários nossos. Que maravilhosas OBRAS RELIGIOSAS esses "crentes em Jesus" fizeram, entre eles muitos adventistas do sétimo dia: Profetizaram, expulsaram demônios e operaram milagres e curas maravilhosas, sempre usando o nome de Jesus! Pareceria a todos nós, humanos, que o Reino do Céu seria o lugar apropriado para tais pessoas virtuosas, cristãs, operadores de grandes feitos religiosos. Mas Jesus não se impressionou com essas "obras religiosas" espetaculares. Note o que Jesus afirmou que dirá a essas pessoas muito religiosas e operadoras de grandes obras: "Então lhes direi explicitamente [com muita clareza]: 'NUNCA VOS CONHECI. APARTAI-VOS DE MIM, os que praticais a iniquidade!" Mateus 7:23, com grifos nossos. Como é que é? "VÓS, OS QUE PRATICAIS A INIQUIDADE"? Mas eles não apresentaram a Jesus "iniquidade" (obra má) nenhuma! Eles falaram a Jesus das BOAS OBRAS RELIGIOSAS que fizeram! Eles falaram de haver "profetizado" em nome de Jesus; falaram de haver "expulsado demônios" em nome de Jesus; e falaram que, em nome de Jesus, "fizemos muitos milagres". Nada eles falaram a Jesus sobre alguma "iniquidade" (uma obra má, maligna, pecaminosa) que praticaram. Por que Jesus, agora vindo buscar os crentes, recusa reconhece-los como crentes, e recusa leva-los para o Reino de Glória, exatamente eles, que já se consideravam filhos dessa glória de Deus? Onde eles erraram? Que "iniquidade" eles teriam praticado, que os deixará fora do Reino, exatamente no momento em que eles pensavam que estariam subindo para o Reino da Glória?

Falar alguém em nome de Jesus não é tudo. Realizar obras religiosas de impacto em nome de Jesus não é tudo. Guardar o sábado, não comer carne de porco, ser vegetariano, dar o dízimo e as ofertas, ir ao templo, não é tudo. Falar em línguas, expulsar demônios, fazer curas e milagres não é tudo. Tudo o que Deus quer, é isto: "Portanto, quer comais, quer bebais, quer façais outra coisa qualquer, FAZEI TUDO PARA A GLÓRIA DE DEUS." I Coríntios 10:31, grifos nossos. E o Apocalipse anuncia o EVANGELHO ETERNO: "TEMEI A DEUS E DAI-LHE GLÓRIA, pois é chegada a hora do Seu juízo..." Apocalipse 14:6 e 7.  A quem você tem DADO GLÓRIA, honra, louvor e adoração, quando vive sua vida religiosa, dentro e fora do templo? Suas obras são suas? Ou são obras de Deus através de você, para a glória de Deus? Você está vivendo o seu "evangelho", que honra e exalta você mesmo como boa pessoa religiosa à vista de todos? Ou você é um bom religioso para a glória de Deus?

Nunca se esqueça: DEUS JULGA CADA MOTIVO QUE HÁ POR TRÁS DE SUAS APERENTES BOAS OBRAS RELIGIOSAS! (Leia Eclesiastes 12:13 e 14).

 

LIÇÃO DE QUARTA-FEIRA, dia 08 de junho.

 

SEM A VESTE NUPCIAL

 

Leitura Bíblica do Dia:  Mateus 22:1 a 14.

 

"E saindo aqueles servos [do Rei, de Deus] pelas estradas [pelas nações, cidades, vilas, bairros, ruas, vielas, becos, favelas], reuniram todos os que encontraram, maus e bons. E a sala do banquete [a Igreja] ficou repleta de convidados. Entrando, porém, o rei para ver [para examinar] os que estavam à mesa [participando do banquete da Graça], notou ali um homem que não trazia veste nupcial, e perguntou-lhe: 'Amigo, como entraste aqui sem veste nupcial? E ele emudeceu. Então ordenou o rei aos serventes: Amarrai-o de pés e mãos, e lançai-o para fora, nas trevas; ali [nas trevas] haverá choro e ranger de dentes. Porque muitos são os chamados, mas poucos, os escolhidos." Mateus 22:10 a 14, com interpolações e comentários nossos.

 

São muitos os que ouvem o convite da Graça de Deus, para serem cidadãos do Reino dos Céus, e vêm para a IGREJA. Vir para a Igreja não é tudo, nem garante SALVAÇÃO e vida eterna para ninguém. Entrar alguém numa garagem não o transforma em automóvel. Entrar alguém num templo e fazer parte de uma denominação religiosa não faz da pessoa um crente real. É preciso, antes, que haja a TROCA DE ROUPA. O velho tem de ser trocado pelo novo. A injustiça precisa ser trocada pela justiça. O ódio tem de ser trocado pelo amor. A mentira tem de ser trocada pela verdade. Satanás tem de ser trocado por Jesus. Sem essa TROCA REAL, mesmo estando numa igreja, ainda que seja a igreja de Deus, não há salvação para o pecador. A lição do trimestre vem insistindo nisto. Adão e Eva tiveram suas vestes de folhas de figueira trocadas pelas vestes de pele de cordeiro (Gênesis 3); o sumo sacerdote Josué teve suas vestes sujas trocadas pelas vestes brancas (Zacarias 3:1 a 8); o filho pródigo teve suas roupas sujas cobertas por "melhores vestes" (Lucas 15:11 a 32). O grande erro que esse pecador da Parábola cometeu é o mesmo que todos os pecadores cheios de justiça própria cometem: Querem ser salvos e ir ao Banquete celeste de qualquer jeito. É o ACHISMO. Caim o cometeu. Os judeus incrédulos o cometeram. Todos os cristãos nominais o cometem. Querem ser salvos do seu jeito, recusando           "FAZER A VONTADE DO MEU PAI, QUE ESTÁ NO CÉU". Querem ser crentes, cristãos, mas querem também continuar vestindo suas próprias vestes de autoconfiança e de justiça própria. Aceitam ser membros da igreja. Aceitam devolver dízimos e ofertas. Aceitam testemunhar de Jesus. Aceitam normas e doutrinas de sua igreja. Aceitam muita coisa religiosa que lhes parece certo e direito. Mas se recusam submeter o EU completamente a Deus. Ainda predomina em tais pessoas o ACHISMO da justiça própria. Chegam perto da glória, como o homem da Parábola, mas ficam de fora do Reino, exatamente na hora de entrar nele. E a estes, a ordem do Rei é: "Amarrai-o de pés e mãos e lançai-o para fora, nas trevas" (Mt 22:13). Quase chegaram lá! Mas na hora decisiva, ainda recusavam trocar de vestes. Passou o tempo próprio, e eles não vestiram as vestes apropriadas. Foram expulsos do Reino, onde quase entraram.

Você já imaginou para você uma cena dessa? Já pensou em que isto pode estar ocorrendo a você e a alguém de sua casa? Então seja prudente, e não deixe o fato deplorável se consumar!  Não aceite ficar fora do Reino.

 

LIÇÃO DE QUINTA E SEXTA-FEIRAS, dias 9 e 10 de junho.

 

A INVESTIGAÇÃO

 

Leitura Bíblica do Dia: Eclesiastes 12:13 e 14; Mateus 22:11; Romanos 14:12; II Coríntios 5:10.

 

O texto de Mateus 22:11 afirma: "Entrando o Rei [Deus, o Juiz] para ver [examinar, observar] os que estavam à mesa [na Igreja, prontos para receber o banquete divino] notou ali um homem [um cristão, ou judeu] que não trazia VESTE NUPCIAL." Mt 22:11, com grifos, interpolações e comentários nossos.

 

Quando o Rei entra na sala do banquete, e fixa o olhar nos convidados, passando e exame cada um deles, "NOTOU ALI UM HOMEM QUE NÃO TRAZIA VESTE NUPCIAL". Não se esqueça de que a Parábola afirma que todos eles foram convidados para "as bodas do Seu Filho" (Mt 22:1). Ora, se era uma festa de núpcias, a veste apropriada para estar ali deveria ser "veste nupcial". Para cada cerimônia ou atividade há uma veste apropriada. Não há como fugir dessa convenção. Entende-se que, para aquela festa da Parábola, para a qual foram convidadas pessoas de todas as camadas sociais, religiosas e culturais, o rei disponibilizou, à entrada, a veste própria para alguém estar ali. Cada um deles recebeu, à entrada, a veste apropriada. Por que aquele único cidadão tomou um caminho alternativo, recusando a veste que o rei quis lhe dar? Por que ele achou (aí entra o ACHISMO) que deveria fazer a coisa do seu jeito. Então ele faltou com respeito o dono da festa; ele foi ousado, arrogante, prepotente, e não submeteu sua vontade à vontade do Rei. Ele deve ter dito a si mesmo: "Eu sou o que sou, e não vou fazer a vontade de ninguém. Se o rei me quiser lá dentro, tem que aceitar meu jeito de ser." Para sua decepção e vergonha, o Rei não pensava como ele. Todos tinham de seguir a vontade do rei, sem questionar, pois isto seria melhor para todos.

Hoje, na igreja que se prepara para celebrar a cerimônia das "Bodas do Cordeiro", no Céu (Apocalipse 19:9), isto é, a festa de casamento e união plena da IGREJA com seu Noivo, Jesus Cristo, um casamento para sempre, há também cristãos que querem ir ao banquete divino no Céu do seu jeito, seguindo caminhos alternativos a Jesus (João 14:6 e Atos 4:11 e 12). Recusam-se aceitar a VESTE NUPCIAL (a Justiça de Cristo), e insistem em continuar vestidos com sua própria veste imunda de autojustificação e justiça própria. Muitos são pastores, presidente disso ou daquilo, departamentais, distritais, diretores e professores de nossas escolas, médicos, enfermeiros e funcionários de nossas instituições de saúde, obreiros de nossas escolas e editoras, funcionários de nossas rádios e de nossas estações de TV, funcionários de nossas Missões, Associações, Divisões e da Conferência Geral. Acham que o fato de serem obreiros assalariados da Igreja Adventista do Sétimo Dia, e terem uma missão a cumprir em seu serviço lhes garante o mérito e a justiça necessários para entrar para as Bodas do Cordeiro. E ficam nessa ilusão anos e anos, enganando-se a si mesmos. Ninguém entrará para o REINO DO CÉU e participará do Banquete das Bodas do Cordeiro se não renunciar à sua própria justiça, ao seu ACHISMO, à sua divinização do EU, e aceitar com fé e humildade de coração a VESTE NUPCIAL da imaculada justiça de Jesus, o Messias-Cristo.

A Bíblia afirma que Deus julgará (observará atentamente com senso crítico) todos os homens, crentes ou descrentes. Os textos notados acima comprovam isto. Salomão escreveu: "De tudo o que se tem ouvido, a suma [o resumo, a síntese] é: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos [teme a Deus e obedece-Lhe os mandamentos], porque isto é O DEVER DE TODO HOMEM [toda pessoa]. Porque Deus há de trazer a juízo [vai julgar] todas as obras, até as que estão escondidas [dos olhos humanos, não de Deus], quer sejam boas, quer sejam más" Eclesiastes 12:13 e 14, com interpolações, grifos e comentários nossos. Faz mais de três mil anos que este texto de Salomão foi escrito para nossa advertência. Mesmo assim, a maioria dos humanos, incluindo aí os humanos que se dizem cristãos, não o levam a sério. A maioria prefere o ACHISMO. Esta é a filosofia de vida de CAIM, o filho de Adão que assassinou Abel, seu irmão (Gênesis 4). Essa mesma filosofia de vida vem sendo adotada dentro e fora da Igreja de Deus. Mas Deus vai julgar a todos, e levar para o Céu os que forem encontrados vestidos com a VESTE NUPCIAL. Leia este texto de Isaías, citado por Paulo: "Ainda que o número dos filhos de Israel [e dos cristãos] seja como a areia do mar [incontável multidão de pessoas, de todos os tempos e lugares], O REMANESCENTE É QUE SERÁ SALVO" Romanos 9:27, grifos, interpolações e comentários nossos. Por que esse "REMANESCENTE" é o único que será salvo? Porque eles têm "A PERSEVERANÇA DOS SANTOS"; e, para Deus, só é "santo" aquele que "GUARDA OS MANDAMENTOS DE DEUS" e guarda a "FÉ EM JESUS" Apocalipse 14:12, grifos nossos.

Quando Deus julgar todos os humanos, verá um grupo de pessoas que possuem três características especiais:

1.      PERSEVERAM EM SER SANTOS (em santificação, ou seja, renúncia do pecado);

2.      TÊM FÉ EM JESUS (aceitam a Jesus como sua Justiça e Salvação);

3.      GUARDAM OS MANDAMENTOS DE DEUS (consagram a vida a obedecer a todos os mandamentos de Deus).

Eles são chamados biblicamente de "O REMANESCENTE" (o que resta, o que sobra, o que permanece fiel), porque, em cada geração, de Adão até o fim do tempo da Graça, Deus teve um grupo de crentes fieis, que rejeitaram o ACHISMO e se firmaram sempre num "está escrito", ou seja, "assim diz o Senhor". E fizeram do princípio de "Sola Scriptura" (somente as Escrituras Sagradas) e "Tota Scriptura" (Toda a Escritura Sagrada) o fundamento de sua religião, quer seja judeu, quer seja gentio. Leia Hebreus 11 e veja uma galeria de nomes de pessoas que foram o "Remanescente" fiel a Deus em cada geração do passado. Siga o exemplo deles, no que há de mais positivo.

 

Pastor Otoniel Tavares de Carvalho

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



2 comentários:

  1. Não perco nenhum comentário, muito obrigada pelas lições pastor Otoniel.
    Deus continue a lhe usar para nos ensinar.

    ResponderExcluir
  2. Precisando de uma mensagem de consolo, então acesse o nosso site, e assista nossas mensagens, Sempre Deus tem uma mensagem para você nas horas dificeis, além das radios e musicas solo instrumemtais e muito mais

    http://www.assembleiabelem.br22.com/

    ResponderExcluir